Agência europeia encontra ligação entre vacina de Oxford e coágulos sanguíneos

vacina Oxford,AstraZeneca

A agência de regulação de drogas e medicamentos da Europa divulgou nesta quarta-feira (6) que encontrou uma ligação entre a vacina contra a covid-19 produzida pela Oxford/AstraZeneca e raros problemas de coagulação do sangue em adultos. No Brasil, as doses são produzidas pela FioCruz e aplicadas em todo o país.

“Uma explicação plausível para a combinação de coágulos sanguíneos e plaquetas sanguíneas baixas é uma resposta imunológica, levando a uma condição semelhante à observada às vezes em pacientes tratados com heparina”, disse a Agência Europeia de Medicamentos (EMA).

As descobertas são um grande obstáculo na luta global contra a pandemia e uma mudança na postura do regulador, que na semana passada apoiou a vacina e disse que não havia risco aumentado de coágulos sanguíneos em geral com a injeção.

O comitê de segurança da agência reguladora, que estava avaliando a vacina, solicitou mais estudos e alterações aos atuais para obter mais informações.

Após a publicação do veredicto, o Reino Unido suspendeu a aplicação da vacina de Oxford em adultos menores de 30 anos. Imunizantes de outros fabricantes serão ofertados para essa população. Via Correio*.

Comentários no Facebook