Bahia: Rui anunciou que vai cortar salários de professores grevistas das universidades estaduais

De acordo com o site Metro1, o governador Rui Costa (PT), decidiu cortar o salário dos professores universitários em greve. A confirmação da informação foi dada pela Secretaria de Comunicação Social (Secom), ao portal.

A paralisação que teve início no dia 4 de abril, atinge as quatro universidades baianas, portanto, três semanas já se passaram desde o início da greve.

Uma proposta feita pelo governo de promoção de 900 vagas aos professores, foi rejeitada pelos docentes, sob justificativa de que as vagas já estavam represadas, cobrando a regularização da situação.

Depois que o governo anunciou a suspensão do pagamento dos professores grevistas, a coordenadora da Aduneb, Ana Margarete, afirmou que a associação deverá recorrer à Justiça para reverter o corte salarial. “Reiteramos que continuamos aguardando o governo para negociar nossa pauta, inclusive o corte dos nosso salários, haja visto que nossa greve é legal”, disse.

*Com informações do portal Metro1

Comentários no Facebook