Bira Corôa e Carlos Ubaldino tomam posse na Assembleia Legislativa-BA


O deputado Nelson Leal (PP) empossou os deputados Carlos Ubaldino (PSD) e Bira Corôa (PT), ontem, às 14h40, em ato realizado no gabinete da Presidência da Assembleia Legislativa.

O ato formal aconteceu observando todos os protocolos de segurança que o Legislativo adotou desde a eclosão da pandemia da Covid-19. Ambos eram parlamentares na legislatura passada, mas as últimas eleições os deixaram na primeira e segunda suplência do bloco governista, efetivando-se nas vagas abertas com as eleições dos ex-deputados Zé Cocá (PP) e Jânio Natal (Podemos) em Jequié e Porto Seguro, respectivamente.

Concorrendo no pleito passado pela coligação encabeçada pelo governador Rui Costa, que reuniu PT, PMB, PSD, PR, PDT, Podemos, PRP, PP, PSB e Avante, tanto Bira Corôa quanto o Pastor Ubaldino, como é conhecido, vão cumprir o quarto mandato na ALBA; eles tiveram atuação destacada nas três últimas legislaturas: 16ª (2007-2011), 17ª (2011-2015) e 18ª (2015-2019), obtendo na eleição de 2018 – Bira Corôa 43.743 votos, e Carlos Ubaldino, 42.721 votos.

O presidente Nelson Leal manifestou a sua alegria pessoal com o retorno dos ex-colegas ao Legislativo e os parabenizou, convicto “da disposição para servir à Bahia e aos baianos desses parlamentares experientes, comprometidos e conhecedores das vocações e das necessidades das regiões e comunidades que representam”. Dirigindo-se ao deputado Bira Corôa, agradeceu o trabalho desenvolvido na Superintendência Parlamentar da ALBA, enquanto comemorou junto a Carlos Ubaldino a sua recuperação da Covid-19 que chegou a levá-lo a uma UTI.

A cerimônia foi restrita a alguns amigos, familiares e funcionários, com as presenças dos deputados Vitor Bonfim (PL), Sandro Régis (DEM), Samuel Júnior (PDT), Robinson Almeida (PT), Marcelino Galo (PT), Niltinho (PP), Pastor Isidório Filho (Avante), além do deputado federal Pastor Sargento Isidório, também do Avante. Todos mediram temperatura para ingressar na Assembleia e o local da posse teve todas as janelas abertas, bem como a disponibilização de álcool 70º – sendo o ato de posse simples:
“Prometo cumprir fielmente a Constituição Federal e a Constituição do Estado da Bahia, promover o bem geral do Estado e observar as suas leis”. Essa frase, dita pelos novos membros do Parlamento, formaliza o ato de posse, assim como a assinatura do termo, na ocasião lido pela secretária da Mesa, ad hoc, Rita Reis Conceição. Da Agência Alba.

Comentários no Facebook