Furacão causa danos na costa leste dos EUA, mesmo perdendo força

O furacão Isaias atingiu a costa da Carolina do Norte durante a madrugada desta terça-feira (4), com fortes chuvas e ventos de até 140 km/h. Uma pessoa morreu e dezenas de casas foram destruídas.

Embora tenha chegado ao solo como um furacão de categoria 1, sua força foi rebaixada à de uma tempestade tropical, mas segue causando uma queda generalizada de energia ao abrir caminho para o norte.

Autoridades da Carolina do Norte estavam trabalhando durante a manhã para avaliar os danos, que incluíam relatos de árvores derrubadas, enchentes e incêndios.

Winston Salem, na Carolina do Norte, atingida por chuvas provocadas pelo furacão Isaias
Winston Salem, na Carolina do Norte, atingida por chuvas provocadas pelo furacão Isaias – Servpro of Winston Salem via Reuters – 3.8.2020

“No geral, essa tempestade entrou e saiu muito rapidamente”, disse o governador Roy Cooper, da Carolina do Norte, em entrevista ao Good Morning America. Por isso, acrescentou, o dano não foi “tão grande quanto poderia ter sido”.

Agora, o National Hurricane Center (NHC) alertou para “o perigo de uma tempestade com risco de vida”, enquanto a tempestade se move pela Virgínia.

Está previsto que Isaias siga ao longo da costa leste, trazendo fortes chuvas e ventos para estados como Maryland, Pensilvânia e Nova York. Informações do R7.

Comentários no Facebook