Geddel deixa prisão domiciliar para realizar exames nesta quarta

O ex-ministro e deputado federal por cinco mandatos, Geddel Vieira Lima, irá deixar a prisão domiciliar para a realização de uma consulta médica e de exames em uma clínica de Salvador nesta quarta-feira. O comunicado foi enviado para o Supremo Tribunal Federal (STF) pela defesa de Geddel e foi apreciado pela minista Rosa Weber, vice-presidente da Corte.

Na ausência do presidente Luís Fux, Weber afirmou que não precisa tomar uma decisão sobre o caso já que o emedebista já passou pelo mesmo procedimento outras vezes, com a petição enviada pela defesa tendo apenas caráter informativo.

Geddel está em prisão domiciliar desde junho do ano passado após deixar a Penitenciária da Papuda, em Brasília, onde cumpria pena de 14 anos e 10 meses após condenação no caso dos R$ 51 milhões encontrados em um apartamento no bairro da Graça. Via Portal A Tarde.

Comentários no Facebook