Guerra do tráfico: mais um tomba em Dias D’ávila

A guerra do tráfico de drogas em Dias D’ávila fez mais uma vítima. Hoje (29), Alisson dos Santos de Jesus, de 22 anos, vulgo Chikungunya morreu no bairro da Cidade de Mirim. Testemunhas narraram que, por volta das 19h25, um homem invadiu uma casa, todo ensanguentado pedindo ajuda. A 36ª CIPM foi acionada e, chegou a prestar socorro, mas ele não resistiu.

Na Unidade de Pronto Atendimento foi constatado que Alisson apresentava três perfurações de disparos de arma de fogo, duas nas costas e uma no braço.

Alisson tinha passagens pela polícia e já havia sido preso em flagrante por Porte Ilegal de Arma de Fogo e Tráfico de Drogas. Essa ocorrência foi registrada no dia 11 de fevereiro deste ano. Ele também era suspeito de ter participado da execução, com requintes de crueldade, de outro homem, acusado de homicídios e tráfico, de vulgo ” Michey “. A vítima foi decapitada na execução.  

Comentários no Facebook