Integrante de quadrilha famosa por assaltos a banco e sequestros na Bahia é morto pela PM

Um homem com passagens por sequestro e roubos a bancos foi surpreendido, nesta quinta-feira (5/3), com R$ 14 mil em espécie, arma e munições. O flagrante, realizado pela Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe), aconteceu entre os municípios de Ruy Barbosa e Macajuba.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), os policiais realizavam uma blitz quando determinaram a parada de um veículo, modelo Amarok. A ordem foi desobedecida e o condutor deflagrou tiros de arma de fogo na tentativa de escapar da abordagem. Houve confronto e o homem acabou ferido.

Ele foi socorrido para o Hospital Geral de Ruy Barbosa, mas não resistiu. Por conta da Lei de Abuso de Autoridade, o nome do rapaz não foi divulgado, mas segundo apuração do portal Aratu On, ele é Antônio Francisco Machado de Oliveira, conhecido como “Totinha”. Ainda de acordo com a SSP-BA, os policiais identificaram o agressor e, após consulta através do nome, confirmaram que ele possuía mandado de prisão.

“Totinha” integrava a “Quadrilha do Giroflex”, responsável por diversas ações na região da Chapada Diamantina. O líder do bando, Marcelo Baitinga, morreu durante uma tentativa frustrada de assalto a um policial em 2014. O grupo ficou conhecido porque utilizava giroflex – equipamento colocado em viaturas policiais – para tentar enganar as vítimas. Eles ficaram conhecidos em toda a região de Santo Antônio de Jesus. 

Com ele, os militares apreenderam R$ 14,7 mil, um revólver calibre 38, munições, relógios, brincos e um capuz, além do carro utilizado. O caso foi registrado na Delegacia Territorial de Ruy Barbosa. Informações do Aratu on.

Comentários no Facebook