Jovem é encontrado degolado e sem coração; suspeita de ritual satânico

Continua sem identificação no necrotério do Instituto Médico Legal de Parauapebas, o corpo de um jovem que foi encontrado no último dia 20, próximo de um igarapé, na divisa do bairro Vila Nova com uma fazenda, naquele município, na Região Carajás, sudeste paraense.

O corpo estava com mãos e pernas amarradas, o pescoço degolado, a barriga estava aberta e o coração foi arrancado e levado pelos criminosos. O crime foi praticado com requintes de crueldade, o que leva a investigação para o caminho de uma provável vingança. A retirada do coração, entretanto, também pode apontar para um ritual satânico.

De acordo com a polícia, o jovem vestia apenas um short vermelho e até a tarde desta sexta-feira (21) permanecia sem identificação, já que nenhum documento foi encontrado com ele e nenhum parente ou conhecido procurou o IML.

Ele foi encontrado por um pescador, que sentiu o forte cheiro do corpo em decomposição, o que demonstra que já estava no local há mais de um dia ao menos.

Junto a ele, havia uma faca entortada, que provavelmente teria sido utilizada pelos assassinos para abrir o rapaz e remover o órgão. A polícia investiga o crime e tenta identificar o jovem para descobrir se ele tinha inimigos ou estava jurado de morte. Via Portal 190.