Jovem é executado com 50 tiros de fuzil. Grávida é atingida

Reprodução

João Vitor Barrios Hirakawauchi, de 19 anos, foi executado com mais de 50 tiros de fuzil nesse domingo (17/11/2019), em Ponta Porã (MS), na fronteira com o Paraguai. Uma gestante, que estava perto do local, acabou sendo atingida por estilhaços e foi socorrida. A informação é do portal R7.

A vítima havia sido presa com mais três pessoas no último dia 14 de novembro, depois que a Polícia Militar localizou um um “bunker” de armas. Eles são suspeitos de cometer assaltos na região da fronteira.

Crime
O homem estava em uma veículo Volkswagen Gol com placa de Santa Catarina, em frente a uma churrascaria, quando foi alcançado por três suspeitos que estavam em um Voyage. Eles fizeram disparos de fuzil calibre 5.56 contra o carro.

Equipes da Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionadas e constataram a morte de Hirakawauchi. Populares relataram que a mulher atingida pelos disparos tem 25 anos. Ela estava sentada na calçada próximo ao local do crime.

Os estilhaços atingiram seu rosto e uma das pernas. O quadro de saúde é considerado grave devido à gestação. IVia Metrópoles.

Comentários no Facebook