Justiça marca data para ouvir testemunhas do assassinato de “Will”, morto por “Iuri Sheik”

Testemunhas envolvidas no processo relacionado ao assassinato do ex-sócio da banda de pagode Black Stlye, o empresário William Oliveira, conhecido como “Will”, serão ouvidas no próximo dia 24 de março, no Fórum Criminal do bairro de Sussuarana, em Salvador.

A audiência está prevista para começar às 8h30 no 1º Juízo da 2ª Vara do Tribunal do Júri. O crime cometido pelo também empresário Iuri Santos Abraão, o “Iuri Sheik”, aconteceu no dia 23 de junho do ano passado, durante uma festa no município de Santo Antônio de Jesus, a 190 km de Salvador. 

CASO

William Oliveira foi baleado no dia 23 de junho durante uma festa de “paredão” no município de Santo Antônio de Jesus, a 190 km de Salvador. Três dias depois, Iuri se entregou na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Salvador, horas depois de confirmada a morte de “Will”. Ele foi ouvido inicialmente pela diretora-adjunta da unidade, Clelba Teles. 

Um vídeo gravado momentos antes do crime mostra uma confusão envolvendo o influenciador digital. Segundo informações extraoficiais, Iuri teria entrado no backstage de um evento que acontecia na cidade. Porém, em contato com a coordenação da festa, foi constatado que ele era “penetra”. Durante a tentativa de retirada por parte dos seguranças, “Sheik” teria reagido de forma agressiva. Via Aratu on.

Comentários no Facebook