Mais de 20 localidades rurais estão com sinal de celular na Bahia

A pandemia do coronavírus tornou necessária a interação exclusivamente virtual e ampliou a necessidade de conexão da população. Neste período a utilização da internet aumentou em mais de 40%, segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Com isso, o programa Fala Bahia passa a ter ainda mais importância no objetivo de levar sinal de celular e internet para localidades rurais de diferentes regiões baianas.

Das 88 localidades que serão atendidas pelo programa nesta primeira fase, 24 já estão com o sinal de celular ativado, beneficiando mais de 80 mil moradores diretamente. Implementado pela Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra) em parceria com a Secretaria da Fazenda (Sefaz), o pagamento por cada Estação Rádio Base (ERB) – espécie de torre – instalada está sendo feito por meio de desconto no Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS).

As Estações fazem a conexão entre os telefones celulares e fixos e a companhia telefonia que atenderá a cidade. A Claro e a TIM ganharam a licitação para realizar a implantação em 35 e 53 localidades, respectivamente. No total, as instalações vão beneficiar 300 mil moradores.  

“Esse programa tem se mostrado de grande utilidade não só pelas melhorias no acesso a educação, saúde e segurança, mas também pela possibilidade de proporcionar aos comerciantes locais um desenvolvimento do seu negócio e criação de novas possibilidades”, explica o secretário Marcus Cavalcanti.

Para segundo semestre deste ano, a previsão é de que mais oito localidades rurais recebam as ERBs. São elas: São José de Alcobaça (Alcobaça), Bonfim de Feira (Feira de Santana), Tijuaçu (Senhor do Bonfim), Velha Boipeba (Cairu), Mangabeira (Aporá), Itati (Itororó), Itaimbé (Potiraguá) e Mocambo (Santa Maria da Vitória).

Localidades rurais atendidas

Pindorama (Iuiú), Caatinga do Moura (Jacobina), Flamengo (Jaguarari), Baixio (Esplanada), Itaia (Firmino Alves), Trinta e Um de Março (Mucuri), Rancho alegre (Caravelas), Missão Sahy e Quicé (Senhor do Bonfim), São Manoel (Correntina), São João do Paraíso (Mascote), Nova Lídice (Medeiros Neto), Argolo e Helvécia (Nova viçosa), Travessão (Camamu), Cabrália (Piatã), São João do Rio Grande e Caripare (Riachão das Neves), Igara (Senhor do Bonfim), Sítio Novo (Catu), Roberto Santos (Inhambupe), Itamaraju (Nova Alegria), Itupeva (Medeiros Neto), e Santa Rosa de Lima (Jaguarari).

Fonte: Ascom/ Seinfra

Comentários no Facebook