“O convite que me trouxe aqui falava em carta branca. Não vou esquecer”, diz Regina em posse

Foto: Antônio Cruz/ Agência Brasil

A atriz Regina Duarte tomou posse da Secretaria Especial da Cultura, nesta quarta-feira, 4, em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília. Durante a ocasião, ela fez um discurso e brincou com o presidente Jair Bolsonaro, também presente.

“O convite que me trouxe até aqui falava em porteira fechada e carta branca. Não vou esquecer não, ein presidente?!”, disse Regina, rindo. Bolsonaro rebateu e afirmou que a atriz passará pro um momento probatório.

“Regina, todos os meus ministros também receberam seus ministérios de porteira fechada. É o linguajar político, ou seja, eles têm liberdade para escolher seu time. Obviamente, em alguns momentos eu exerço poder de veto. Já o fiz em todos os ministérios, até para proteger a autoridade, que por vezes desconhece algo que chega ao nosso conhecimento. Isso não é perseguir ninguém. É colocar os ministérios e as secretarias na direção que foi tomada pelo chefe do executivo”, concluiu o presidente.

Estiveram presentes no evento diversas autoridades, como o vice-presidente Hamilton Mourão que desceu a rapa do Palácio do Planalto de braços dados a Regina Duarte. A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves; o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina; e o ministro da Casa Civil, Braga Neto, também marcaram presença na cerimônia. Informações do Portal A Tarde.

Comentários no Facebook