Paulo Preto volta a ser alvo da Lava Jato

Na manhã desta terça-feira, 29, a Operação Lava Jato deflagrou, no estado de São Paulo, mais uma etapa batizada Pasalimani. O alvo dos mandados cumpridos pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal (MPF) é Paulo Vieira de Souza, o ex-diretor da empresa pública paulista Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa), conhecido como Paulo Preto.

A nova fase investiga prática de lavagem de dinheiro envolvendo familiares do ex-diretor e prestadores de serviço.

A força-tarefa cumpriu mandados nas cidades de São Paulo, Taubaté, Ubatuba, Taboão da Serra e Itapetininga. O MPF aponta que houve participação de Paulo Preto na gestão de pessoas jurídicas usadas para lavagem de dinheiro e ocultação de documentos. Via A Tarde.

Comentários no Facebook