PF fecha cerco contra grupo de mensagens que avisava sobre fiscalização de trânsito na Bahia

Blitz educativa no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), localizado na BR 040.

A Polícia Federal deflagrou hoje (1/6) a Operação Ponte Petro Jua, com o objetivo de apurar suposto crime contra a segurança ou o funcionamento de serviços de utilidade pública, em Juazeiro/BA. A PF apura a existência de um grupo, em um aplicativo de troca de mensagens, denominado ”Blitz Petro e Jua” que trocava informações entre seus participantes sobre as fiscalizações de trânsito que aconteciam nas cidades de Petrolina/PE e Juazeiro/BA.

As diligências tiveram origem em levantamentos realizados pela Polícia Rodoviária Federal que identificou os membros mais ativos do grupo.

Durante a operação foram cumpridos seis mandados de busca, em Petrolina/PE e Uauá/BA, em residências de administradores e pessoas que mais postavam informações das fiscalizações nos grupos.