PMs envolvidos em morte de garoto de 11 anos são presos

Os quatro policiais envolvidos na morte de Hebet Felipe de Souza Silva, de 11 anos, na noite desta quinta-feira (14/03), em Camaçari, foram presos em flagrante. A PM informou que a equipe estava em uma perseguição a criminosos e, durante uma troca tiros, acabaram atingindo o garoto, que foi socorrido para o Hospital de Camaçari, mas não resistiu.

Os moradores do Bairro Jardim Brasilia, onde o garoto foi baleado, contestam a versão de que houve troca de tiros. Eles disseram que os policiais já chegaram atirando.

Confira a nota enviada pela PM:

“A Polícia Militar lamenta profundamente a morte de uma criança de 11 anos atingida por disparos de arma de fogo na noite de quinta-feira (14), em Camaçari, e informa que a guarnição envolvida na ocorrência foi autuada em flagrante com base em indícios colhidos na Corregedoria da Polícia Militar, na manhã desta sexta-feira (15).

O comando geral da corporação se solidariza com os familiares da vítima e reitera que todas as providências estão sendo adotadas para fazer cumprir a lei com rigor.

Um Inquérito Policial Militar (IPM) foi instaurado e foram ouvidas as testemunhas e familiares da vítima, assim como os policiais militares integrantes da guarnição envolvida no fato.

Após realização de exames periciais legais, os pms serão encaminhados para a Coordenadoria de Custódia Provisória, localizada no bairro da Mata Escura.”

Comentários no Facebook