Por Maradona, técnico do Olympique pede que número 10 seja excluído de competições

A derrota para o Porto por 2 a 0, quarta-feira em Marselha pela Liga dos Campeões, parece ter ficado em segundo plano para o treinador do Olympique. Impactado pela notícia da morte de Maradona, André Villas-Boas acredita que o número imortalizado por Diego não deveria ser mais usado em nenhuma competição organizada pela Fifa.

Torcida argentina chora a morte de Maradona — Foto: Reuters
Torcida argentina chora a morte de Maradona — Foto: Reuters

– Eu gostaria que a FIFA aposentasse a camisa 10 em todas as competições, para todos os times. Seria a melhor homenagem que poderíamos prestar a ele. É uma perda incrível para o mundo do futebol – ressaltou o técnico português.

O desejo de Villas-Boas, no entanto, deve ser ignorado pela entidade que rege o futebol. A Fifa já anunciara anteriormente que não autorizaria a eventual pretensão da seleção argentina de não utilizar o número 10 em competições oficiais. Informações do Globo Esporte.

Comentários no Facebook