Portaria garante Passe Livre para Pessoas com Deficiência no Metrô

Foto: Reprodução

O Governo do Estado assinou na manhã desta quinta-feira (19) a renovação da portaria que possibilita o uso do Passe Livre Intermunicipal para Pessoas com Deficiência no metrô de Salvador. A assinatura foi realizada pelos secretários estaduais de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Nelson Pelegrino, e de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Carlos Martins, responsáveis pela portaria conjunta.

O ato beneficia diretamente mais de 20 mil pessoas que possuem o Passe Livre na região metropolitana, sendo 13 mil apenas em Salvador. De acordo com informações da CCR Metrô Bahia, o sistema transporta diariamente cerca de 430 mil pessoas.

“Esse ato é extremamente importante porque o Passe Livre é o direito dos direitos. É através dele que as pessoas com deficiência podem se mobilizar, ir à rua, resolver suas questões. Garantir o uso no metrô é fundamental porque o modal revolucionou a mobilidade urbana na capital e aproximou pontos distantes da cidade”, afirmou o secretário Carlos Martins.

O secretário da Sedur, Nelson Pelegrino, ressaltou a integração do metrô com outros modais e a garantia dos direitos dos usuários. “Queremos todas as pessoas no mesmo patamar de cidadania, com a garantia dos seus direitos. O uso do Passe Livre no metrô garante mais tempo livre e maior qualidade de vida para as pessoas”, disse o gestor.

Dados da SJDHDS mostram que 74% dos beneficiários usam o documento para demandas relacionadas à saúde e 20% usam para questões familiares, o que demonstra a importância do documentos e portaria conjunta. Em 2020, a secretaria pretende lançar o Passe Livre Digital, para reduzir a burocracia e o tempo de espera para a emissão do documento.

O Passe Livre Intermunicipal para Pessoas com Deficiência assegura gratuidade no sistema de transporte coletivo intermunicipal, nos modais rodoviário, ferroviário, aquaviário e metroviário do estado às PCDs comprovadamente carentes.

A assinatura do ato contou com as presenças do presidente da CCR Metrô Bahia, Rodolfo Gonzales; da deputada estadual Fabíola Mansur; do superintendente dos Direitos da Pessoa com Deficiência da SJDHDS, Alexandre Baroni; além de usuários e usuárias do Passe Livre Intermunicipal.


Fonte: Ascom/ SJDHDS

Comentários no Facebook