Salvador: Detentos fogem do Hospital de Custódia e Tratamento (HCT)

Dois internos conseguiram obter êxito na tentativa de fuga e encontram-se foragidos

O Hospital de Custódia e Tatamento (HCT), localizado na Baixa do Fiscal, da capital baiana, destinado ao cumprimento de medidas de segurança de internação, sofreu mais uma vez uma tentativa de fuga dos custodiados, na madrugada de segunda-feira (20), onde cinco internos tentaram fugir da instituição, mas, devido ao trabalho dos Policiais Penais que estavam de plantão no local no momento do ocorrido, três custodiados foram capturados em tempo hábil e dois internos conseguiram evadir-se da unidade prisional, Cristinoval Pereira Costa da Ala D e Visley Rocha Alves também da Ala D.

O presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários (Sinspeb), Reivon Pimentel, afirma que o Hospital de Custódia e Tratamento (HCT) é uma unidade antiga, com estrutura obsoleta e possui o número de Policiais Penais plantonistas extremamente reduzido, “muito aquém” do recomendado pelo Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP).

O sindicalista salienta que outro agravante que facilita as fugas é o abandono das guaritas pelos policiais militares que argumentam falta de segurança no local. “As guaritas estão desguarnecidas e a responsabilidade da vigilância perimetral cabe à Polícia Militar e não aos Policiais Penais. Além disso, a falta de monitoramento por câmeras e os muros extremamente baixos são mais fatores que facilitam as recorrentes fugas no HCT”, denuncia o presidente do Sinspeb, Reivon Pimentel.

Ascom Sinspeb

Comentários no Facebook