Sul-americana: Bahia bate Nacional (PAR) e dá fôlego a Roger Machado

Divulgação Ascom Esporte Clube Bahia

O técnico Roger Machado chegou hoje (26), no começo da tarde, no Estádio Luís Alfonso Giagni, na região metropolitana de Assunção (PAR), para buscar a classificação à segunda fase da Copa Sul-Americana contra o Nacional e tentar amenizar a pressão. Nem mesmo a boa vitória de 3×0 conquistada no jogo de ida deixou tranquilo o ambiente do clube. Principalmente por dois motivos: a eliminação na primeira fase da Copa do Brasil para o River do Piauí, e a recente derrota por 2×0 para o rival Vitória, que quebrou uma escrita de mais de dois anos sem derrotas do Bahia no clássico. E foi assim que os brasileiros foram a campo. Mas, logo aos dois minutos, o meia Élber aproveitou um belo lançamento de Rossi e abriu o placar para o Bahia. Parece que era isso que a equipe precisava para atuar com segurança. E foi isso que aconteceu. Na frente do placar, praticamente só deu Bahia na etapa inicial. O artilheiro Gilberto completou o placar com dois gols, o primeiro de pênalti (aos 31 minutos) e o segundo dele (aos 44).

Etapa final

Com 6×0 no placar agregado, o Bahia soube administrar os últimos quarenta e cinco minutos, mesmo com o gol do Nacional (PAR), anotado por Villagra, em um pênalti mal marcado logo no começo do segundo tempo.

Fazendo história

Esse 3×1, no segundo jogo, foi a primeira vitória do Bahia no exterior em uma competição internacional, na sétima participação do clube nesses torneios.

Próxima fase

O adversário do Bahia na próxima fase será conhecido por sorteio, a ser realizado pela Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol). E a próxima partida da equipe será pela Copa Nordeste, no dia 7 de março, contra o Confiança na Arena Fonte Nova. Informações da Agência Brasil.

Comentários no Facebook