“Tem outros que gostam de crocodilo”, desabafa coronel Sturaro após saída do comando da PM

Foto: Reprodução

O ex-comandante de Operações da Polícia Militar, coronel Humberto Sturaro, usou as redes sociais para fazer um desabafo, sem citar nomes, neste sábado (23/1). Em um vídeo públicado na sua conta, no Instagram, ele afirmou que a “independência profissional” só é conquistada por meio de “trabalho” e “respeito”.

“Não tenho mais porquê ter sapo na garganta, querendo botar para fora. O que não fica bem para um coronel, é não ter coragem de olhar nos olhos de um superior e do seu subordinado, não ter o reconhecimento da sua tropa, não ser olhado como líder. O que não fica bem para um coronel é não ter a capacidade física e técnica de operar, ombreado a uma tropa, em uma atividade de risco. Não fica bem para um coronel não ter coragem de encarar uma câmera e dar satisfação à sociedade dos erros cometidos pela nossa instituição e mostrar a ela que não perca essa confiança e, também, como corrigir esses erros”, disse Sturaro.

Por fim, o coronel cita o episódio em que foi criticado pela imagem em que aparece com uma arara na cabeça e afirma: “tem outros que gostam de crocodilo”. Informações do Aratu on.

VEJA:

Comentários no Facebook