Vacina contra coronavírus tem previsão para ser criada no segundo semestre, diz ministro da Saúde

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, apresenta na Comissão de Assuntos Sociais do Senado, informações sobre as políticas e diretrizes de sua pasta, bem como a proposta de extinção do Programa Mais Médicos.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que laboratórios americanos vão começar a fazer teste contra o coronavírus e que a previsão para que a vacina fique pronta é no semestre que vem.

“O mundo espera uma vacina para o semestre que vem. Os americanos irão começar teste em breve. É uma corrida”, afirmou ao Blog Painel, da Folha.

O ministro ainda afirmou que a capacidade de produção mundial das vacinas “não é capaz de produzir para o mundo. O Brasil tem boa capacidade de produção no Butantã, na Fiocruz, entre outros”, afirmou. Via Metro1.

Comentários no Facebook