Vencedor do Nobel da Paz, John Hume morre aos 85 anos

John Hume, ex-líder do Partido Social Democrata e Trabalhista da Irlanda do Norte (SDLP) e vencedor do Prêmio Nobel da Paz por seu trabalho no processo de paz na província britânica, morreu aos 83 anos, informou sua família nesta segunda-feira (3).

Hume, que sofria de demência, estava internado em um lar para idosos em Londonderry, no noroeste da Irlanda do Norte.

“Estamos profundamente tristes em anunciar que John faleceu pacificamente hoje, depois de uma curta doença”, disse um comunicado assinado pela família.

“Queremos enviar nossos agradecimentos profundos e sinceros às enfermeiras do asilo Owen Mor, em Derry. Os cuidados que John recebeu nos últimos meses de sua vida foram excepcionais. John era marido, pai, avô, bisavô e irmão. Ele era muito amado e sua perda será profundamente sentida por toda a sua família”, acrescentou.

Hume foi uma figura importante no processo de paz que permitiu a assinatura do chamado Acordo da Sexta-feira Santa, em 1998, que encerrou três décadas de violência sectária entre os paramilitares protestantes da Irlanda do Norte e os republicanos do já inativo IRA (Exército Republicano Irlandês).

Seus esforços, que aproximaram e uniram as divisões entre católicos e protestantes, levaram-no a ganhar o Nobel da Paz ao lado do ex-primeiro-ministro da Irlanda do Norte, David Trimble. Da Agência EFE.

Comentários no Facebook